Posicionamento no marketing – Reflexões iniciais

    Por

    25 | Mar | 11

    Semana retrasada tive o prazer de ler um tweet bem humorado do caro amigo @adrianomacedo sobre o tema deste post. Ele fez uma brincadeira – ótima por sinal – onde citava aparelhos de orientação geográfica. Com a seguinte resposta “Os melhores nomes em posicionamento: Bússola e GPS” o amigo despertou meu bom humor e ao mesmo tempo me fez refletir sobre este conceito importante do Marketing.

    Para esclarecer o termo contei com uma sugestão de leitura do @boscocouto, o livro “Estratégia de Marketing” do Jack Trout (autor dos livros Marketing de Guerra e Posicionamento). Logo no início do livro temos um exemplo de situação em que fica perceptível o poder do posicionamento como fator de decisão do consumidor.

    Pescar para o jantar

    Para nossos ancestrais, fisgar um peixe era apenas uma questão de afiar um graveto e contar com a sorte.

    Hoje significa entrar em uma Bass Pro Shop, L.L.Bean, Cabela´s ou Orvis e ficar perplexo com a variedade estonteante de varas de pescar, molinetes, anzois, redes, barcos, e por aí vai.
    Na loja matriz da Bass Pro Shop, com 28.000 m², em Springfield, Missouri, o cliente ganha um corte de cabelo e anda lhe fazem uma isca com o cabelo cortado.
    As coisas mudaram muito desde aquele graveto afiado.”

    Trecho retirado do livro citado acima.

    Afinal, entre tantas possibilidades, por que preferimos um restaurante a outro? Se tenho um serviço ao lado da minha casa que resolve minhas necessidades por que me desloco 3x mais para ir a outro praticamente igual? Não entrarei no mérito das questões sociais (preferência, poder aquisitivo, etc.) que interferem claro, nas minhas decisões, mas tão presentes na minha escolha quanto elas é o posicionamento.

    Posicionamento no marketing

    Segundo Trout, o posicionamento é como nos diferenciamos na mente do cliente em potencial. Um posicionamento, ou seja, é como o cliente percebe e entende a nossa empresa quando escuta o nosso nome ou lê em algum anúncio. Um posicionamento bem construído e reforçado faz com que os consumidores comprem os produtos de uma marca não só pela qualidade e diferenciais estéticos, mas pelos valores agregados pelo seu posicionamento – sustentável, vanguarda, retrô, hightech, etc.

    Há que se destacar que o posicionamento é a percepção do consumidor e não da empresa. Esta, por sua vez, deve esforçar-se ao máximo para atingir esse conceito desejável na mente do consumidor, mas não significa que ela irá conseguir, pois terá que trabalhar pra isso acontecer.

    Esse trabalho consiste na definição de uma identidade forte, uma marca bem definida, o que vende e pra quem vende. Daí, ela começa um processo que vai desde a embalagem de seu produto ou formato de seu serviço, até a hora que o cliente entra em contato com ele. É importante que TUDO o que a empresa faz ou fala reforce o posicionamento, ou seja, a percepção da marca que ela quer ter na mente do consumidor.

    Para você que quer entender mais sobre o Posicionamento no Marketing e ver cases interessantes sinta-se convidado para participar do #cafecommarketing que acontece sábado, dia 26/03, às 10h30, na Livraria Cultura do Shopping Varanda. Será um prazer recebê-lo! É gratuito.

    Fonte Imagem: Google Imagens

    Esse texto contou com um help de @lutargino e @milenanobre.

    * * * * * 7 votos.


Comentário










* Campos obrigatórios

<< voltar à página inicial

  • 85 3402.3898


  • Rua Vicente Leite, 725 60170150 Meireles Fortaleza

© 2011    Being    todos os direitos reservados